fbpx

Seguro-viagem com cobertura para COVID-19: por que contratar

A pandemia nos serviu de alerta e trouxe consigo uma grande lição: cuidar da saúde precisa ser prioridade, inclusive durante as viagens. Afinal, quando chega a hora de curtir bons dias de descanso, ninguém merece ter que lidar com algum problema, né? Justamente por isso, o seguro-viagem ganhou ainda mais destaque, sobretudo agora que existem opções com cobertura para COVID-19.

Este serviço permite que a sua aventura seja tranquila do início ao fim e garante atendimento rápido e eficaz em qualquer lugar do mundo. Tá a fim de descobrir mais detalhes? Então leia este post atentamente até o final.

Peraí, existe seguro-viagem com cobertura para COVID-19?

A resposta para essa pergunta é: sim! Por causa da pandemia, muitas empresas que fornecem seguro-viagem passaram a oferecer cobertura para COVID-19. Isso é especialmente importante, visto que muitos países que reabriram para o turismo tornaram a contratação do seguro obrigatória. Por falar nisso, aqui você encontra a listinha atualizada de países onde brasileiros podem entrar.

Ah, mas atenção: a cobertura deve abranger toda a estada e contemplar despesas médicas e hospitalares, OK?

Aqui vão alguns países que passaram a exigir seguro-viagem com cobertura para COVID-19:

– Argélia;
– Argentina;
– Aruba;
– Bahamas;
– Camboja;
– Catar;
– Chile;
– Costa Rica;
– Cuba;
– Emirados Árabes Unidos;
– Ilhas Seychelles;
– Ilhas Virgens Britânicas;
– Jordânia;
– Namíbia;
– Paraguai;
– Polinésia Francesa;
-Tailândia;
– Ucrânia;
– Uruguai.

Tenha em mente que algumas companhias aéreas não autorizam o embarque se o viajante não tiver como comprovar a contratação de um seguro-viagem com cobertura para COVID-19. Portanto, para evitar dor de cabeça, é muito válido garantir o seu, bem como o de toda a sua família, combinado?

Pra que mais serve o seguro-viagem?

O seguro-viagem cobre de despesas médicas e/ou odontológicas até traslado médico (no caso de necessidade de transferência até uma clínica ou hospital) e regresso sanitário (translado de regresso até o local de origem da viagem ou até o domicílio devido a acidente pessoal ou enfermidade).

Ao mesmo tempo, a cobertura abrange casos de invalidez permanente total ou parcial, morte (por causas naturais ou acidentais) e traslado do corpo (para a residência ou local de sepultamento). A maioria das empresas ainda oferece cobertura para problemas menos complexos, mas bem recorrentes, como extravio e perda de bagagem.

Onde mais o seguro-viagem é obrigatório?

Antes de mais nada, é impossível falar de seguro-viagem e não citar roteiros pela Europa. Você conhece o Tratado de Schengen? Pois trata-se de uma convenção, criada em 1985, que permite a livre circulação de pessoas entre os países signatários. Em contrapartida, exige que todos vindos do exterior tenham um seguro com cobertura mínima de 30 mil euros para suprir eventuais despesas hospitalares, acidentes e repatriações. Por isso, fique bem atento, pois o comprovante pode ser solicitado pela imigração.

Confira quais são os países que fazem parte do Tratado de Schengen:

– Alemanha;
– Áustria;
– Bélgica;
– Dinamarca;
– Eslováquia;
– Eslovênia;
– Espanha;
– Estônia;
– Finlândia;
– França;
– Grécia;
– Holanda;
– Hungria;
– Islândia;
– Itália;
– Letônia;
– Lituânia;
– Luxemburgo;
– Malta;
– Noruega;
– Polônia;
– Portugal;
– República Tcheca;
– Suécia;
– Suíça.

Cabe destacar que outros países também exigem o seguro, embora não façam parte do Tratado de Schengen. Alguns deles são: Irlanda, Reino Unido, Turquia e Venezuela.

Por outro lado, vale a pena comentar também que, apesar de algumas nações não fazerem do seguro algo obrigatório, recomendam fortemente sua contratação. Esse é o caso da Angola, cuja recomendação é de cobertura médica acima de 30 mil dólares. Caso o viajante pretenda praticar esportes radicais, seja idoso ou esteja gestante, o ideal é que a cobertura seja acima de 60 mil dólares. Por fim, a Bielorrússia recomenda cobertura mínima de despesas de 10 mil euros, válida para todo o território.

Lembre-se sempre: o seguro-viagem pode ser um ótimo aliado, ainda mais considerando que em alguns locais os custos de atendimento são altos. Dessa forma, fale agora mesmo conosco e garanta uma viagem sem preocupações, especialmente se quiser em breve!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *